Constantemente preocupado em realizar palestras e estudos complementares para seus alunos, o Teatro Escola Macunaíma também promove novidades para o desenvolvimento dos profissionais envolvidos em seu dia-a-dia. Focado em oferecer diferentes experiências teatrais a seu corpo docente, o Macu contou com a presença dos diretores-pedagogos Ma Zhenghong e Alejandro González Puche.

A visita de ambos foi a maneira encontrada para que os professores, coordenação e direção do Macu pudessem ser inseridos e apresentados a uma vivência teatral teórico-prática, ainda inédita no Brasil, intitulada JOGOS DE ENSEMBLE E ESTRUTURA, trabalhou OS PRINCÍPIOS TEATRAIS DE MICHAEL CHEKHOV. O método aborda formas criação a partir da ideia do coletivo e reflete sobre perguntas essenciais para a arte do teatro.

Para aqueles que não estão familiarizados, Michael Chekhov nasceu em 1891, na cidade de São Petersburgo. Ele deu início a sua carreira no Teatro de Artes de Moscou, fundado por Constantin Stanislávski. Quando foi obrigado a se exilar da Rússia entre EUA e Europa, Chekhov estudou e desenvolveu um método de atuação próprio, pautado pelos questionamentos que lhe surgiram através do trabalho de Stanislávski. A partir disso, Ma Zhenghong e Alejandro González Puche explicam as visitas: “Em seus princípios como pesquisador, Michael Chekhov constrói uma metodologia em que coloca o ator frente ao abismo do coletivo e promove o debate entre o ator visível e o invisível”. A dupla também traduziu os escritos de Chekhov para o espanhol e o chinês e vêm investigando seus princípios de trabalho com diferentes coletivos de atores.

Ficou interessado(a) em conhecer as credenciais  dos coordenadores do curso? Ma Zhenghong é diretora de teatro e pedagoga, mestre e doutora em Estudos Avançados hispânicos pela Universidade de Valência. Estudou no GITIS, Instituto Russo de Arte Teatral, e é professora no Departamento de Artes Cênicas da Universidade do Valle, na Colômbia.

O diretor de teatro e pedagogo Alejandro Gonzaléz Puche também é mestre e doutor em Estudos Avançados Hispânicos pela Universidade de Valência, com tema de pesquisa sobre o teatro de Miguel de Cervantes. Formou-se no GITIS, Instituto Russo de Arte Teatral, e é professor do Departamento de Artes Cênicas da Universidade do Valle, na Colômbia.

Toda essa vivência e experiência durou apenas quatro dias de duração, mas se tornou um grande aprendizado para todos os envolvidos!

0 Comentários

Cancel