A expressão corporal é um grande aliado de todos nós, desde a mais tenra idade. Permite que uma pessoa demonstre seu real estado de espírito.

Expressão corporal pode ser trabalhado desde a educação infantil?

A expressão corporal é um grande aliado de todos nós, desde a mais tenra idade. Permite que uma pessoa demonstre seu real estado de espírito. Mas, além de nos ensinar como demonstrar o que estamos sentindo, a expressão corporal tem um forte papel no aprendizado.

Por isso, uma dúvida comum que afeta os educadores, sobretudo aqueles que tem contato diário com crianças pequenas é se a expressão corporal pode ser trabalhada com os menores e como fazer isso.

Para analisar esse tema mais adequadamente, elaboramos um texto abordando não apenas se a expressão corporal pode ser trabalhada com crianças e quais as melhores formas de aplicá-la no ambiente educacional.

Porque a expressão corporal deve fazer parte da educação infantil?

A infância é um período de intenso aprendizado. Durante uma brincadeira, ao caminhar com os pais pelo parque ou praça, ou até mesmo observando as pessoas passando na rua, todas essas atividades simples são fonte de aprendizado para uma criança.

Mas, além do mundo ao seu redor, a criança aprende usando seu corpo. Dar os primeiros passos, tocar objetos, sentir a textura do pelo dos animais, de uma fruta, a temperatura da água e da comida, tudo isso é feito com a ajuda de seu corpo.

E, quando aprende a se movimentar sozinha, o corpo ganha ainda mais importância, já que cada movimento ajuda a transmitir um sentimento e para que ela tome contato com o outro, com a realidade ao seu redor.

Por isso a expressão corporal é tão importante, principalmente na educação infantil. Antes mesmo da fala ou da escrita, já usamos nosso corpo para comunicar nossos desejos. Para uma criança, o corpo é uma fonte importante de conteúdo, é onde ele é produzido.

Além disso, ao utilizar a expressão corporal em conjunto com outras habilidades que são trabalhadas na escola, como a pintura ou a introdução às letras, a criança exercita todo o seu potencial, aumentando sua inteligência e melhorando seu desenvolvimento.

Como a expressão corporal pode ser trabalhada no ensino infantil?

Os profissionais que atuam com educação infantil podem encontrar no ato de brincar um grande aliado para o trabalho da expressão corporal. Durante as brincadeiras, as crianças não apenas aprendem as regras do jogo, como também aprendem mais sobre si mesmas e sobre o mundo a seu redor.

Além disso, algumas brincadeiras podem não só estimulá-las a aprender mais sobre seus próprios corpos, conhecendo novos movimentos e aprendendo as funcionalidades de cada órgão, como também aprendem regras importantes para que vivam em sociedade adequadamente.

Durante essas brincadeiras, os professores podem trazer novos elementos, como nomes de animais, ensinar novas letras, novas regras de convivência e, até mesmo, trabalhar deficiências, sejam cognitivas ou motoras.

A expressão corporal é uma excelente ferramenta para que a criança se desenvolva em sua totalidade, aprendendo a lidar com seus sentimentos e os do outro, e também a descobrir seu papel no mundo.

As experiências do brincar, aliadas ao trabalho de consciência corporal, tornam o desenvolvimento infantil muito mais completo.

    Quer aprender a se comunicar melhor? Receba nossas dicas:

    Sem comentários

    Cancelar