Tag Archives: consciencia corporal

O teatro pode influenciar diretamente na saúde e vivacidade, contribuindo para manter ótima disposição e espírito sempre jovem.

Entenda como o teatro ajuda a manter sua vivacidade

O teatro pode influenciar diretamente na saúde e vivacidade, contribuindo para manter ótima disposição e espírito sempre jovem. Além disso, o teatro é uma interessante atividade para o desenvolvimento do ser humano como um todo.

Se você ainda tem dúvidas e quer saber mais sobre o assunto, acompanhe nosso post e confira os benefícios proporcionados pela atividade teatral.

Desenvolve a consciência corporal

O teatro trabalha o condicionamento a prontidão física. Para o desenvolvimento de um papel cada personagem precisa desenvolver a sua expressão corporal. Durante o processo, o aluno segue num processo que aprimora a sua consciência corporal.

Afinal, mente e corpo precisam estar alinhados para dar o melhor de si nos palcos. Foco, disciplina e espírito jovem!

Melhora a qualidade de vida

Sentir-se sempre jovem e disposto depende muito da qualidade de vida de cada um. O  bem-estar é um conceito que define a saúde física e emocional. Como o teatro é uma atividade que traz prazer e diversão, você desenvolve uma melhora crescente e significativa quando o assunto é qualidade de vida.

Além de trabalhar a mente, você também melhora a sociabilidade e a adaptação. Afinal, você tem contato com muitas pessoas e isso impacta diretamente a sua capacidade de se relacionar com o próximo e a sociabilidade como um todo.

Assim, você sempre vai se sentir jovem e disposto a estar em novos ambientes e a conviver com novas ideias.

Estimula o pensamento novo

O desejo de pensar novo é uma das principais características de quem possui um espírito jovem. As novas ideias, as novas experiências, sentimentos e situações novas estimulam todo um novo processo corporal muito importante ao longo da vida.

Nossa personalidade e atitudes do dia a dia são moldados, direta ou indiretamente, pelos nossos pensamentos. Entretanto, muitas pessoas têm dificuldades para acessar novos formas de pensar e não sabem como recuperar o poder de “fazer o novo”.

O teatro é a arte ao vivo, é a arte que traz novos olhares para o mundo. Para estar presente no palco é necessário muito trabalho e pesquisa. Afinal, o teatro não é como um programa gravado, na qual tudo chega pronto, decora-se falas e os atores podem errar e começar tudo de novo com ajuda dos programas de edição.

Retarda o envelhecimento patológico

O envelhecimento patológico ocorre quando o organismo se deteriora mais rapidamente devido a doenças degenerativas e hábitos nocivos acelerados. De acordo com uma pesquisa publicada na revista Psycological Science,  atividades artísticas proporcionam uma melhora significativa nos sistemas do corpo como um todo.

Por conta disso, se você deseja sempre estar jovial e ativo, saiba que fazer aulas de teatro é uma ótima opção. Afinal, pessoas que praticam aulas de teatro estão em constante trabalho para melhorar a si próprio. O que tem impacto direto no humor e na percepção positiva sobre o mundo e os acontecimentos cotidianos.

O teatro diverte quem faz. Desperta emoções e pensamentos prazerosos que acabam interferindo diretamente no bem-estar psicofísico.

Ajuda a afirmar-se a si próprio

Investir em aulas de teatro, além de ser uma atividade complementar, também pode ser considerada uma forma de lazer. Por isso, é considerada uma ótima maneira de encontrar a si mesmo, seus propósitos de vida e a manter a vivacidade.

O teatro desperta a criatividade e a sensibilidade, instrumentos necessários para solucionar conflitos pessoais, profissionais e amorosos. Dessa forma, é essencial entregar-se de corpo e alma ao lado lúdico e cênico para que você consiga encontrar suas próprias verdades e pesquisar mais sobre quem você é e qual o seu lugar no mundo.

Uma das características da jovialidade é não ter medo de mudar e encarar novos desafios. Você precisa exercitar os prejulgamentos e a vergonha para poder aproveitar ainda mais tudo o que o teatro pode oferecer de melhor.

Lembre-se de que todas as pessoas passam por momentos difíceis e situações complicadas. Portanto, não tenha vergonha de si mesmo e saiba que você não está sozinho: o teatro está aí para ajudar a superar si mesmo.

É uma terapia de prazer

A depressão e o stress são uma das principais doenças do século XXI, que atingem adultos, jovens e crianças. De acordo com estudos recentes, em alguns casos, altos níveis de estresse e tensões intensas ocorridas desde a infância podem ocasionar o disparo da depressão na fase adulta.

Portanto, investir em atividades que proporcionam alegria e descontração desde os primeiros anos de vida é fundamental para construir uma base emocional sólida, capaz de administrar possíveis conflitos, rejeições e traumas.

E, como dito anteriormente, o teatro é uma das melhores maneiras de aprimorar o seu estado psicofísico. Isto é mente emocional e corpo físico. Com técnicas de respiração e concentração adequadas é possível controlar a ansiedade, por exemplo.

A sociabilidade proporcionada pelas experiências em grupo também é uma ótima maneira de fazer novas amizades duradouras.

Pensando por esta perspectiva, vale dizer que um curso de teatro precisa ser desenvolvido por profissionais competentes, responsáveis e que compreendam as necessidades e individualidades de cada aluno.

Ao procurar uma escola de teatro é importante buscar instituições de referência no mercado, para que a experiência seja completa e realmente edificante. Afinal, você está fazendo um investimento em si próprio e tem objetivos e expectativas em relação às aulas de teatro.

E, lembre-se: você é o grande responsável pela sua vivacidade e bem-estar. Portanto, se não está satisfeito com a maneira como a vida tem se apresentado, não procrastine, não tenha medo de buscar novas experiências e mudar os rumos do seu caminho. A estrada da realização está disponível para todos. Basta ter iniciativa e força de vontade para que você consiga alcançar tudo aquilo que sempre sonhou!

Viu como um curso de teatro é uma ótima ferramenta para recuperar e ter ainda mais vivacidade na vida de uma forma que você nunca tinha pensado?!

Mas afinal, o que é essa tal comunicação não verbal e qual o papel do teatro para o seu desenvolvimento? Descubra neste post!

O que é a comunicação não verbal? O que tem a ver com a timidez? Descubra!

Não é raro encontrarmos pessoas falando que o teatro auxilia na superação da timidez. Mas, além disso, você sabe como o teatro ajuda na comunicação não verbal? E o que significa isto?

Esse é um dos benefícios mais interessantes do teatro. Afinal, boa parte de nossa comunicação acontece sem percebermos, ou seja, por meio de gestos, reações e expressões silenciosas, mas que comunicam muito! Não se engane, grande parte da sua personalidade é revelada pela sua expressão não verbal.

Mas afinal, o que é essa tal comunicação não verbal e qual o papel do teatro para o seu desenvolvimento? Descubra neste post!

O que é comunicação não verbal e qual a sua importância?

De forma simples, podemos definir a comunicação não verbal como a capacidade de se comunicar por meio de gestos, sinais, expressões corporais ou faciais e reações do corpo aos diversos estímulos do ambiente e das pessoas que nos cercam.

A importância da comunicação não verbal se revela em várias situações da nossa vida, visto que ela tem mais força que a verbal. Por exemplo: em uma entrevista de emprego quer mostrar tranquilidade, mas não consegue parar de mexer seus pés ou mãos e desvia seu olhar do entrevistador repetidamente, sua linguagem corporal claramente está contradizendo a sua fala.

Um ator, por outro lado, normalmente consegue se sair extremamente bem em entrevistas. ou diante do público  Isso porque seu repertório de comunicação não verbal é muito amplo e permite que ele não caia na monotonia. Assim, em uma conversa, seu sorriso, seu olhar e até o silêncio de suas pausas  — que é, na verdade, um item importantíssimo da comunicação não verbal — fazem toda a diferença.

Como o teatro ajuda na comunicação não verbal?

Agora que você já sabe o que é comunicação não verbal e conhece a sua importância, deve estar se perguntando se o teatro ajuda a desenvolvê-la, certo? A resposta é: sim — e você vai descobrir como isso acontece logo abaixo!

Desperta a consciência corporal

No teatro, a comunicação não verbal é muito utilizada e, para isso, é necessário um longo trabalho de consciência corporal. Por meio desse trabalho, o teatro “destrava” os mais tímidos para que eles possam ampliar seu repertório de comunicação.

A consciência corporal é uma habilidade que explora as possibilidades de movimento, da ação física, consequentemente da expressividade do corpo. Por meio dela, é possível exercitar seus limites expressivos, suas dificuldades, suas possibilidades e suas potencias até então desconhecidas. A consciência corporal também mostra como as conseguimos interferir nas nossas emoções e como é possível direcioná-las em cena.

Desenvolve repertório expressivo

O aprimoramento com objetivo é a vivencia de exercícios da sua consciência corporal irão dar vida a um grande repertório expressivo para sua comunicação não verbal. Isso porque, ao experimentar um conhecimento mais profundo sobre nosso próprio corpo, a consciência corporal também traz à tona a nossa força expressiva, inclusive para quem sofre de timidez! Dão resultados incríveis!

Assim, se antes a comunicação estava restringida principalmente à voz, por meio de um trabalho contínuo, outras formas de interação ganham força. Seja um sorriso, um olhar mais profundo ou um simples levantar de sobrancelha. São detalhes inconscientes capazes de gerar uma comunicação mágica e muito mais interessante!

Supere sua Timidez

Em nosso dia a dia, grande parte da nossa comunicação é transmitida pelas nossas expressões faciais. Entretanto, esse processo nem sempre acontece da melhor forma. Isso é perfeitamente natural, pois são atos que acontecem de forma inconsciente. Não existe um roteiro, instruções ou regras para a comunicação não verbal, pois cada indivíduo tem suas próprias características.

Contudo, ao possibilitar o “destravamento” do indivíduo, o teatro permite que as expressões faciais sejam exploradas de forma mais potente para que a magia da comunicação não verbal floresça cada vez mais assertivamente.

Por fim, algo interessante a ser ressaltado é que, além de saber como o teatro ajuda na comunicação não verbal, você precisa entender que ele também auxilia a entender as expressões corporais das outras pessoas. Assim, é possível perceber não só a si mesmo, mas também o feedback que elas dão às suas reações.

E aí, gostou do assunto do post? Esperamos que sim!
Mas afinal, o que é essa tal comunicação não verbal e qual o papel do teatro para o seu desenvolvimento? Descubra neste post!

O que é a comunicação não verbal? E como o teatro ajuda? Descubra!

Não é raro encontrarmos materiais sobre como o teatro auxilia no aprimoramento da oratória. Mas, além disso, você sabe como o teatro ajuda na comunicação não verbal?

Esse é um dos benefícios mais interessantes do teatro. Afinal, boa parte de nossa comunicação acontece sem percebermos, ou seja, por meio de gestos, reações e expressões silenciosas, mas que comunicam muito! Não se engane, grande parte da sua personalidade é revelada pela sua expressão não verbal.

Mas afinal, o que é essa tal comunicação não verbal e qual o papel do teatro para o seu desenvolvimento? Descubra neste post!

O que é comunicação não verbal e qual a sua importância?

De forma simples, podemos definir a comunicação não verbal como a capacidade de se comunicar por meio de gestos, sinais, expressões corporais ou faciais e reações do corpo aos diversos estímulos do ambiente e das pessoas que nos cercam.

A importância da comunicação não verbal se revela em várias situações da nossa vida, visto que ela tem mais força que a verbal. Por exemplo: em uma entrevista de emprego se o candidato diz estar tranquilo, mas não consegue parar de mexer seus pés ou mãos e desvia seu olhar do entrevistador repetidamente, sua linguagem corporal claramente está contradizendo a sua fala.

Um ator, por outro lado, normalmente consegue se sair extremamente bem em entrevistas. Isso porque seu repertório de comunicação não verbal é muito amplo e permite que ele não caia na monotonia. Assim, em uma conversa, seu sorriso, seu olhar e até o silêncio de suas pausas  — que é, na verdade, um item importantíssimo da comunicação não verbal — fazem toda a diferença.

Como o teatro ajuda na comunicação não verbal?

Agora que você já sabe o que é comunicação não verbal e conhece a sua importância, deve estar se perguntando se o teatro ajuda a desenvolvê-la, certo? A resposta é: sim — e você vai descobrir como isso acontece logo abaixo!

Desperta a consciência corporal

No teatro, a comunicação não verbal é muito utilizada e, para isso, é necessário um longo trabalho de consciência corporal. Por meio desse trabalho, o teatro busca “destravar” o indivíduo para que ele possa ampliar seu repertório de comunicação.

A consciência corporal é uma habilidade que explora as possibilidades de movimento, da ação física, consequentemente da expressividade do corpo. Por meio dela, é possível exercitar seus limites expressivos, suas dificuldades, suas possibilidades e suas potencias até então desconhecidas. A consciência corporal também mostra como as conseguimos interferir nas nossas emoções e como é possível direcioná-las em cena.

Desenvolve repertório expressivo

O aprimoramento com objetivo é a vivencia de exercícios da sua consciência corporal irão dar vida a um grande repertório expressivo para sua comunicação não verbal. Isso porque, ao experimentar um conhecimento mais profundo sobre nosso próprio corpo, a consciência corporal também traz à tona a nossa força expressiva.

Assim, se antes a comunicação estava restringida principalmente à voz, por meio de um trabalho contínuo, outras formas de interação ganham força. Seja um sorriso, um olhar mais profundo ou um simples levantar de dedo. São detalhes inconscientes capazes de gerar uma comunicação mágica e muito mais interessante!

Potencializa sua comunicação

Em nosso dia a dia, muitas emoções são transmitidas pelas nossas expressões faciais. Entretanto, esse processo nem sempre acontece da melhor forma. Isso é perfeitamente natural, pois são atos que acontecem de forma inconsciente. Não existe um roteiro, instruções ou regras para a comunicação não verbal, pois cada indivíduo tem suas próprias características.

Contudo, ao possibilitar o “destravamento” do indivíduo, o teatro permite que as expressões faciais sejam exploradas de forma mais potente para que a magia da comunicação não verbal floresça cada vez mais assertivamente.

Por fim, algo interessante a ser ressaltado é que, além de saber como o teatro ajuda na comunicação não verbal, você precisa entender que ele também auxilia a entender as expressões corporais das outras pessoas. Assim, é possível perceber não só a si mesmo, mas também o feedback que elas dão às suas reações.

E aí, gostou do assunto do post? Esperamos que sim!
A expressão corporal é um grande aliado de todos nós, desde a mais tenra idade. Permite que uma pessoa demonstre seu real estado de espírito.

Expressão corporal pode ser trabalhado desde a educação infantil?

A expressão corporal é um grande aliado de todos nós, desde a mais tenra idade. Permite que uma pessoa demonstre seu real estado de espírito. Mas, além de nos ensinar como demonstrar o que estamos sentindo, a expressão corporal tem um forte papel no aprendizado.

Por isso, uma dúvida comum que afeta os educadores, sobretudo aqueles que tem contato diário com crianças pequenas é se a expressão corporal pode ser trabalhada com os menores e como fazer isso.

Para analisar esse tema mais adequadamente, elaboramos um texto abordando não apenas se a expressão corporal pode ser trabalhada com crianças e quais as melhores formas de aplicá-la no ambiente educacional.

Porque a expressão corporal deve fazer parte da educação infantil?

A infância é um período de intenso aprendizado. Durante uma brincadeira, ao caminhar com os pais pelo parque ou praça, ou até mesmo observando as pessoas passando na rua, todas essas atividades simples são fonte de aprendizado para uma criança.

Mas, além do mundo ao seu redor, a criança aprende usando seu corpo. Dar os primeiros passos, tocar objetos, sentir a textura do pelo dos animais, de uma fruta, a temperatura da água e da comida, tudo isso é feito com a ajuda de seu corpo.

E, quando aprende a se movimentar sozinha, o corpo ganha ainda mais importância, já que cada movimento ajuda a transmitir um sentimento e para que ela tome contato com o outro, com a realidade ao seu redor.

Por isso a expressão corporal é tão importante, principalmente na educação infantil. Antes mesmo da fala ou da escrita, já usamos nosso corpo para comunicar nossos desejos. Para uma criança, o corpo é uma fonte importante de conteúdo, é onde ele é produzido.

Além disso, ao utilizar a expressão corporal em conjunto com outras habilidades que são trabalhadas na escola, como a pintura ou a introdução às letras, a criança exercita todo o seu potencial, aumentando sua inteligência e melhorando seu desenvolvimento.

Como a expressão corporal pode ser trabalhada no ensino infantil?

Os profissionais que atuam com educação infantil podem encontrar no ato de brincar um grande aliado para o trabalho da expressão corporal. Durante as brincadeiras, as crianças não apenas aprendem as regras do jogo, como também aprendem mais sobre si mesmas e sobre o mundo a seu redor.

Além disso, algumas brincadeiras podem não só estimulá-las a aprender mais sobre seus próprios corpos, conhecendo novos movimentos e aprendendo as funcionalidades de cada órgão, como também aprendem regras importantes para que vivam em sociedade adequadamente.

Durante essas brincadeiras, os professores podem trazer novos elementos, como nomes de animais, ensinar novas letras, novas regras de convivência e, até mesmo, trabalhar deficiências, sejam cognitivas ou motoras.

A expressão corporal é uma excelente ferramenta para que a criança se desenvolva em sua totalidade, aprendendo a lidar com seus sentimentos e os do outro, e também a descobrir seu papel no mundo.

As experiências do brincar, aliadas ao trabalho de consciência corporal, tornam o desenvolvimento infantil muito mais completo.

Como fazer teatro pode modificar aspectos da minha vida pessoal?

Saiba como fazer teatro pode ajudar em sua vida pessoal

Imagine um lugar onde você pode ser o que quiser. Se jogar, se libertar das amarras psíquicas e sociais, fazer amigos e, ainda, estimular o corpo e a mente de forma integral. E mais! Imagine que esse lugar será responsável por momentos de bem-estar, além de lhe proporcionar um maior conhecimento de si mesmo. Se você pensou em aulas de teatro, acertou! Já parou para pensar em como estudar teatro pode mudar a sua vida?

O teatro é uma das manifestações artísticas mais poderosas, principalmente por ser uma das mais completas. Em uma encenação é possível sentir e observar toda uma composição artística criada pela trilha sonora, pelas as artes plásticas do figurino, a composição cênica, a encenação , a dramaturgia — por meio das falas dos atores —, a expressão psicofísica da interpretação e, também, a ordem lógica para montar todo um encadeamento que tenha sentido.

O teatro ao encontro com a Teoria das Múltiplas Inteligências, desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Harvard, que diz que nosso cérebro possui diferentes áreas desenvolvidas, não só as inteligências cognitivas, como a matemática, mas, também, as atividades lúdicas e artísticas. Por isso, a arte cênica é tão importante para o desenvolvimento humano.

Você deve estar se perguntando: como fazer teatro pode modificar aspectos da minha vida pessoal? Continue a leitura do artigo e descubra todos os benefícios que o teatro pode fazer por você!

Promoção do autoconhecimento

Quem faz teatro desenvolve muito o autoconhecimento, isto é, sabe mais sobre si mesmo e, por isso, se torna uma pessoa mais confiante. Como o instrumento de trabalho no palco de um ator é o seu próprio corpo e, em cena, ele não pode contar com mais ninguém mais, aprender a ter segurança e administrar suas emoções é fundamental.

Quanto mais o ator se trabalha, mais consegue interpretar nas circunstâncias exigidas pela personagem e assim, transmitir verdade por meio de sua atuação. Quanto mais a plateia fica envolvida com o seu trabalho, mais o artista se sente gratificado por ter trabalhado o desenvolvimento das ações físicas que compões sua personagem.

Aumento de autoestima

A descoberta de novas competências, principalmente por meio de uma arte tão completa, faz com que o aluno de teatro adquira certas habilidades que não possuía, ou aprimore algumas habilidades que não dominava.

Isso faz com que o aluno olhe para si mesmo, tome consciência de seu potencial e passe a gostar do que vê. A pessoa que estuda teatro desenvolve sua autoestima e percebe que tem capacidade para ir além. Consequentemente, sua autoconfiança se sobressai e adquire-se um maior poder de decisão e uma postura mais positiva diante de situações da vida diária.

Melhora da timidez

É difícil imaginar, mas a maioria dos estudantes de teatro alega que são tímidos, e por esse motivo, procuram um curso de artes cênicas. Se esse é o seu caso, não deixe a timidez te afastar do palco.

Quando as pessoas tímidas decidem encarar o desafio de se unir a um grupo de teatro, elas costumam se sair muito melhor do que os ditos extrovertidos. Introvertidos são inteligentes, buscam sempre se melhorar e acabam encontrando no teatro a forma ideal de expressão pessoal.

Criação de consciência corporal

O ator é o seu próprio instrumento de trabalho, logo precisa cuidar e desenvolver suas movimentações da melhor forma possível. Todo o trabalho de interpretação realizado durante a peça promove em um aluno de teatro a consciência corporal como ele nunca experimentou antes.

É possível notar a melhora da dicção e de movimentos corporais que ficam mais expansivos e naturais com o passar do tempo. O estudante de artes cênicas rompe suas limitações  e recebe grande ajuda no aperfeiçoamento da sua consciência motora.

Fortalecimento de relações sociais

Por mais que o ator tenha a si mesmo como instrumento de trabalho e, por esse motivo, seu desenvolvimento pessoal é potencializado, é preciso lembrar que ele não está sozinho no palco. Fazer teatro é trabalhar em equipe. Mesmo estando em um monólogo, um ator nunca está só. Por isso, aprender a interagir socialmente de forma efetiva trará benefícios tanto pessoais quanto profissionais.

Há equipes que trabalham em conjunto por um longo período de tempo, formadas por atores, diretor, cenógrafo, figurinista, assistentes de palco, entre outros profissionais. Portanto, a atividade teatral proporciona a interação social de forma natural. Há comunicação e convivência com pessoas de diferentes personalidades e visão de mundo, que viveram outras experiências e que, juntas, contribuem para o desenvolvimento pessoal de cada um.

Acionamento de foco e memória

Manter o foco e a concentração são habilidades pouco desenvolvidas e muito requeridas hoje. Nesse sentido, o teatro pode ajudar e muito. O ato de trabalhar com textos longos para que na encenação tudo saia correto faz com que a memória seja ativada e o foco seja requerido, principalmente no momento da cena.

Além disso, o teatro é uma atividade coletiva, em que um depende do outro para que tudo transcorra em perfeição. Esse senso de responsabilidade ajuda o aluno a manter a sua atenção totalmente centrada na encenação até que ela termine.

Por mais que foco, concentração e memória sejam acionados durante a atividade teatral, vale lembrar que treinar essas habilidades será extremamente benéfico para o aluno no futuro, em quaisquer outras tarefas que ele venha a desenvolver.

Ativação da criatividade

Para se tornar mais criativo, nada melhor do que sair da rotina e poder ser, mesmo que por algumas horas, pessoas diferentes: seja um rei, um mágico, um mendigo, uma cortesã, uma costureira, uma freira ou um soldado. Uma das grandes magias do teatro é proporcionar que o aluno adquira conhecimento e diversos pontos de vista por meio da variedade de personagens que ele pode interpretar.

Dessa forma, o estudante pode passar por várias experiências e formas de vida distintas e acaba melhorando o seu próprio repertório, tornando-se uma pessoa mais flexível, interessante, inteligente e autoconfiante.

Percebeu como fazer teatro pode transformar pessoas, trazendo benefícios que ajudam na sua vida pessoal em diversos aspectos? Não poderia ser diferente, pois estamos falando de uma arte milenar que ajudou na disseminação e construção da narrativa como a conhecemos hoje.

Se você quiser conhecer mais benefícios do teatro e ter acesso a outros conteúdos como este, assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!